Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



ATUALIDADE DA MENSAGEM DE FÁTIMA - Por D. António Marto

Domingo, 08.03.15

A MENSAGEM DE FÁTIMA - O QUE TEM DE ESPECIAL E ATUAL?

 

ANTÓNIO MARTO, Bispo de Leiria-Fátima, ,

escreve sobre a Mensagem

na Dedicação da Igreja dos Pastorinhos em MARRAZES

 

«A Mensagem de Fátima

O que há de especial na mensagem de Fátima que justifique a atenção que suscita, a atração que exerce, o amplo eco que alcançou?

 

À primeira vista parece que nada tem de especial porque é uma mensagem confiada a crianças pobres e analfabetas que falam de uma novidade imprevista que as excede mas as atrai e seduz; uma mensagem adaptada à sua mentalidade, ao seu mundo simples de há muitos anos, expressa em conceitos que se referem à linguagem da época e nos podem parecer ultrapassados.

 

Poderá dizer ainda algo ao mundo de hoje?

 

Precisamente por isso impressiona-nos e causa espanto que o contexto e o conteúdo da mensagem não se restringem a um caminho de fé pessoal dos pequenos videntes. 

O seu horizonte é de alcance histórico e mundial: as duas guerras mundiais e os sofrimentos da humanidade com a menção específica de nações como a Rússia, as perseguições à Igreja com a menção dos mártires do século XX e do próprio Papa, a grande causa da paz entre os povos.

 

Tudo isto acompanhado pelo anúncio da misericórdia de Deus e pelo chamamento a não se resignar à banalidade e à fatalidade do mal: é possível vencer o mal a partir da conversão do coração a Deus, da oração e da reparação do pecado dos homens.

 

É dentro deste contexto trágico que a Virgem Maria surge, em Fátima, como uma “visão de paz” e uma luz de esperança para a Igreja e para o mundo.

Naturalmente, as aparições de Nossa Senhora em Fátima não constituem um quinto evangelho ao lado dos quatro evangelhos canónicos. Mas são um eco do Evangelho para ajudar a fé e sustentar a esperança da Igreja e do mundo num momento dramático, como é próprio duma revelação privada; são pois um sinal de Deus para a nossa geração, uma palavra profética para o nosso tempo, uma intervenção divina na história mediante o rosto materno de Maria.

 

O Papa Bento XVI não hesitou em apresentar Fátima como “a mais profética das aparições modernas” e a sua atualidade: “Iludir-se-ia quem pensasse que a missão profética de Fátima esteja concluída. Aqui revive aquele desígnio de Deus que interpela a humanidade desde os seus primórdios: ‘Onde está Abel, teu irmão? (...) A voz do sangue do teu irmão clama da terra até mim´ (Gen 4, 9)”.

 

E sublinha também a dimensão evangelizadora da mensagem:

Apraz-me pensar em Fátima como escola de fé tendo a Virgem Maria por Mestra; lá Ela ergueu a sua cátedra para ensinar aos pequenos videntes e depois às multidões as verdades eternas e a arte de orar, crer e amar”.

Nesta perspetiva, as práticas devocionais características de Fátima encontram assim um enquadramento teológico e espiritual que lhes dá sentido.

 

Os pedidos da Virgem, na sua substância, permanecem sempre válidos:

  • a conversão do coração,
  • a oração e a adoração,
  • a solidariedade na comunhão dos santos com a Igreja que sofre,
  • a reparação do pecado para resistir ao poder do mal,
  • a consagração ao Imaculado Coração de Maria como expressão da entrega total a Deus,

constituem inspiração para toda a Igreja e para a vida cristã.

 

De facto, Fátima oferece-nos um programa espiritual e pastoral para sermos uma Igreja viva, santa e missionária.

As primícias da resposta à mensagem foram os pastorinhos com o seu testemunho de santidade».

 

† António Marto, Bispo de Leiria-Fátima,

Na Dedicação da Igreja Paroquial aos Pastorinhos de Fátima, 22-02-2015

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por P. Alípio Barbosa às 19:08





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031